image Tendências de Vídeo Marketing para 2019

Click and Play Studio – Filmagens, Produção Video 4K e Fotografia | Produtora Video | Filmagens | Videos de Empresas, Spots TV, Videos 360 Realidade Virtual, Videos de Hotéis, Videos de Eventos e Videos Tutoriais Click and Play Studio – Filmagens, Produção Video 4K e Fotografia | Produtora Video | Filmagens | Videos de Empresas, Spots TV, Videos 360 Realidade Virtual, Videos de Hotéis, Videos de Eventos e Videos Tutoriais

O Que Fazem os Utilizadores no Youtube?

14 factos que tem de saber sobre o Youtube

Youtube é um motor de busca? É uma rede social? Sim, é isto e muito mais. É a plataforma com mais popularidade e o maior depósito de conteúdos vídeo do planeta.

De forma a acrescentar valor à sua marca, tem de saber as tendências do seu consumidor.

Para isso, reunimos este conjunto das últimas estatísticas lançadas sobre o Youtube, que o vão ajudar a compreender e a gerir melhor esta plataforma.

Veja estes números, que lhe podem ser úteis para a sua estratégia de marketing.

Com uma boa estratégia de marketing no Youtube, conseguirá chegar ao seu consumidor mais facilmente! Quanto mais apostar no vídeo, mais vai apostar no futuro da sua marca.

1º – 9 mil milhões de utilizadores visitam o Youtube todos os meses

É quase metade da internet… e todos os dias são visualizados mil milhões de horas de vídeo.

2º – 96% de Americanos entre os 18 e os 24 anos usam o Youtube

Na prática, toda a Geração Z com ligação à internet está no Youtube. O que não nos surpreende, tendo em conta que o Youtube é grátis, completamente grátis.

Ao mesmo tempo, a Televisão tradicional continua em declínio: tempo de utilização por semana caiu 12% nos jovens entre os 18 anos e 34 anos em 2018.

3º – Youtube está disponível em 80 línguas diferentes

E está ainda em 91 países diferentes, ou seja, chega a 95% da internet em todo o mundo.

4º – O Youtube é o segundo website mais visitado, de acordo com a Alexa

Em média, as pessoas passam 8 minutos e 42 segundos todos os dias no Youtube.

Este estudo descobriu também que “youtube” foi o segundo termo mais pesquisado em 2017, de acordo com a Google o 1º foi “Facebook”.

5º – 70% dos utilizadores estão no mobile

O entretenimento e a informação saíram do sofá – mas com o crescimento de Smart Tv’s, podem regressar em grande ao sofá.

Apesar disso, muito do valor do Youtube está na sua portabilidade: a audiência mobile do Youtube tanto procura um video de meditação no caminho para o trabalho, ou a solução para um problema no carro.

6º – Youtube está no topo de aplicações para iOS em 2018

De acordo com a Apple, o Youtube subiu de 3º (em 2017), para o 1º lugar em 2018 do download de aplicações. Ultrapassando o Facebook e o Snapchat que detinham o record de aplicações grátis mais descarregadas do ano.

7º – 59% da Geração Z  aumentou o uso de Youtube no último ano

Pessoas entre os 16 e os 24 anos dizem que estão a utilizar cada vez mais o Youtube, o Snapchat e o Instagram – nesta ordem.

Entretanto 46% estão também a aumentar o consumo de vídeos no Youtube.

Se anda a perder sono a pensar em que rede investir para chegar aos cool kids, o Youtube é onde apostar.

Fonte: Emarketer

8º – O Youtube providencia quase metade de toda a música disponível on-demand

86% do total de consumidores de música ouviram música em streaming, em 2018. E o grande responsável é o Youtube. A plataforma detém 47% desse conteúdo de música.

Enquanto estes números falam da grande atratividade do Youtube, a indústria da música não está muito contente. A verdade é que, 35% dos consumidores de música dizem que não querem pagar por serviços de streaming de música, porque tudo o que querem ouvir está gratuito no Youtube.

O lançamento do Youtube Music Premium, em 2018, pode ser visto como uma tentativa de amenizar as relações entre outras plataformas de streaming de vídeo, tornando-se agora um amigo rival da indústria da música.

9º – 70% dos millennials utilizadores do Youtube viram no último mês um vídeo para aprender a fazer algo.

A Google anunciou em Outubro de 2018 que vai investir em 20 milhões de dólares em iniciativas de aprendizagem no Youtube, e vai apostar em vídeos de explicações, how to’s e aulas, etc. 

Se a sua marca tem conhecimento que anseia partilhar ao mundo, alegre-se porque o Youtube está a dizer que esta é a hora de mostrar esse conhecimento ao mundo!

10º – Top 10 influencers do Youtube ganharam mais 42% de dinheiro em 2018

A Revista Forbes estima que essas 10 estrelas ganharam 180.5 milhões de dólares em 2018.

O Youtube está a permitir que cresça uma nova espécie de celebridades, com um elevado potencial para o chamado marketing não tradicional e de influência.

Esta geração de influencers está no top de potencial de alcance de audiências.

11º – Foram visto 50 000 anos de vídeos de reviews de produtos nos últimos 2 anos.

E isto foi só nos últimos dois anos no mobile. Quer esteja só a divagar pela internet ou na fase final de comparação de produtos, os consumidores estão a virar-se para o vídeo para descobrir o que querem consumir.

O Youtube diz que cada vez mais as pessoas preferem ver um vídeo no Youtube do que ler o manual de instruções. 

Fonte: YouTube

Quanto mais informação a sua marca tiver disponível sobre os seus produtos e serviços no Youtube, mais feliz e informado será o seu consumidor.

12º – Desde 2016, duplicou o número de pequenas e médias empresas que estão a publicitar no Youtube

Como o Facebook ou o próprio Google, o Youtube oferece as melhores ferramentas de publicidade, permitindo-lhe analisar o seu público alvo.

Como a publicidade em vídeo é mais atrativa, as marcas estão a virar-se cada vez mais para o Youtube.

13º – LEGO tem quase o dobro das visualizações do que qualquer outra marca no Youtube

Com 7 milhões de subscritores, o canal do Youtube da LEGO está ao rubro com conteúdo original e também conteúdo gerado pelos utilizadores.

LEGO opera o seu canal em várias línguas de forma a aumentar o seu alcance.

14º – Anúncios de Youtube para o mobile recebem 83% do tempo de atenção do utilizador

Esta é uma quantidade enorme de tempo, tendo em conta que os anúncios para TV rondam os 45%.

A Google fez um estudo sobre como é que as pessoas vêm (ou ignoram) anúncios, concluindo que os anúncios para a televisão são tão compridos que a audiência acaba por dispersar.

Boas atividades para fazer nos intervalos dos programas da TV são: ir à casa de banho, passear o cão, atacar a cozinha, ou falar com alguem.

Ah! E ver vídeos no Youtube! 80% de fãs de desporto trocam entre a televisão e um segundo ecrã enquanto vêem jogos em direto, e nós sabemos que eles não são os únicos a fazer multi-tasking.

Acompanhe o comportamento dos utilizadores do Youtube com a Click and Play

 

Related Posts
  • All
  • By Author
  • By Category
  • By Tag